Desenvolvimento pessoal

3 atitudes simples para controlar a ansiedade no seu dia a dia

Como você lida com a ansiedade no dia a dia?

Em nossos dias com “tanta coisa pra fazer”, parece que você anda correndo demais! Sempre fazendo as coisas às pressas! E a ansiedade em alta! Por que tem de ser assim?

Não nascemos sabendo como lidar com nossas emoções, sobretudo, a ansiedade, e ao longo do tempo, aprendemos, por erros e acertos, como administrá-la. 

A ansiedade precisa estar ajustada para vivermos bem, do contrário, ela nos prejudica e pode nos trazer problemas de saúde, tais como enxaqueca, gastrite ou dores nas costas.

É possível utilizar um filtro de 3 passos:

  1. Observar como determinado pensamento surgiu. 
  2. Deixá-lo ir embora, não lutar contra ele, e pensar algo positivo.
  3. Dizer para mim mesmo: “Está tudo bem”.

Você pode questionar seus pensamentos

Quando você decide sair do lugar de vítima e assumir seu protagonismo, isto é, tornar-se sujeito, você cessa de culpar os outros e busca responsabilizar-se por suas ações, e isso é libertador, pois mesmo o evento não ocorrendo da forma planejada, por fim, você não culpará ninguém e reconhecerá que você quis assim. 

  • Os pensamentos são como crianças mimadas, eles querem atenção. E se você não atender essa demanda, eles poderão até ir embora, mas voltarão com mais força. Eles também podem ser comparados como as nuvens que passam, pois eles vêm e vão. E você pode apenas assisti-los e testemunhar seus movimentos. 
  • Como podemos tratar os nossos pensamentos? De forma bem-humorada, eu lhe convido a imaginar que eles são hóspedes que vêm visitar você. O que se espera do anfitrião? Seja cortês, ofereça-lhes uma xícara de chá, isto é, busque domesticá-lo e ficar bem com eles!
  • Os pensamentos não param, pois, mesmo dormindo, nosso cérebro continua funcionando, mesmo que em estado de repouso. 
  • Quando você está no controle, os pensamentos estão ao seu serviço, e não ao contrário, como costumamos ver. 

Não somos os nossos pensamentos

Você é muito mais do que seus pensamentos. Muitas vezes, eles podem sugerir autossabotagem. E podem ser perigosos. É como uma voz que diz sussurrando: “Você não consegue”, “outros já tentaram e foi um fracasso”, “eu estou com medo”. Essas são crenças limitantes que podem levar a um nível de ansiedade muito alto, prejudiciais à sua saúde mental.

A prática da meditação 

É um paliativo que auxilia o seu desempenho em psicoterapia, pois quando sua mente está agitada, com pensamentos acelerados, o ato de parar, estar consciente da sua respiração e do seu corpo, faz com que você progrida no seu autoconhecimento

A importância da psicoterapia 

O acompanhamento de um psicólogo(a) é essencial para você administrar sua ansiedade, sobretudo no dia a dia, em que tantos desafios são colocados em sua vida, e parece que você não vai dar conta. É, antes de tudo, um processo de autoconhecimento, que conduzirá a uma jornada de experiência profunda, e que ao longo do tempo, você poderá ganhar nova visão de mundo, de si mesmo e dos outros. É a sensação de que os outros estão mudando, quando na verdade, é você quem está mudando! 

Faça as pazes com sua ansiedade

A ansiedade também pode ser benéfica. E observe quando uma pessoa pode ser bem produtiva quando deposita toda sua “energia” (sentido de vontade de vida) no seu trabalho! Ela apenas deve estar ajustada. Faça as pazes com sua ansiedade para que você consiga ser uma pessoa mais alegre e produtiva.

Não seja algoz de você mesmo

Geralmente, as pessoas ansiosas tendem a ser muito exigentes com elas próprias. E, consequentemente, exigentes com os outros também. E isso pode gerar conflitos nos relacionamentos pessoais e profissionais. 

Coloque mais leveza no seu dia a dia

As coisas mais belas da vida estão nos detalhes, por isso, aprecie os bons momentos, como tomar um banho, comer sua refeição devagar e saboreie com prazer; ou mesmo abrir a janela pela manhã e sentir a brisa suave tocando seu rosto. Que sensação de paz! Aprenda a tornar estas ações um hábito! 

Pensamentos positivos

Todas as vezes que você emite um pensamento, o seu corpo corresponde. E sabemos que, a somatização leva o corpo ao adoecimento. Por isso, desenvolver o sentimento de gratidão ajuda a manter os pensamentos positivos e, consequentemente, diminui sua ansiedade. 

Cuidado com os excessos

Geralmente, as pessoas ansiosas tendem a cometer excessos, como por exemplo, falar em alto tom de voz, comer mais, consumir mais. E os excessos podem ser sintomas, que por sua vez, têm função, isto é, apontam para algo que não está bem, que está a ponto de explodir, seja um incômodo ou frustração.

E a psicoterapia vai entrar exatamente neste ponto, de investigação das causas dos sintomas, do sofrimento psíquico. Algo está latente e precisa ser colocado em contato com a pessoa para ser resolvido, e assim, encontrar uma solução. 

Os excessos também podem levar a uma vida desregrada, como os vícios, o afastamento das pessoas, ou até mesmo o isolamento. 

É importante estar atendo aos primeiros sinais que você talvez não esteja percebendo, pois é como um carro, quando há algum ruído, se não procuramos um mecânico, o problema poderá piorar, pois outras peças deverão trabalhar mais para suprir a peça deficiente. 

Da mesma forma, se não dermos atenção aos sinais que muitas vezes se iniciam sutilmente, você poderá ficar sobrecarregado e os excessos poderão ser adotados como estilo de vida, e isso é tudo o que você não deseja para sua vida! 

Quando digo “está tudo bem”, é como abraçar a mim mesmo! E isso é cuidar de mim! E, consequentemente, eu cuido de quem está a minha volta, pois se estou bem comigo mesmo, estarei bem para o outro.

Resultado: Imensa paz e alegria! E ao longo do tempo, eu vou me tornando senhor de mim mesmo! 

Aprenda a gerenciar sua ansiedade e conhecer mais sobre você mesmo! E invista mais no seu autodesenvolvimento! E a psicoterapia é um caminho que você poderá percorrer em busca de si mesmo! 

Edson Castro

EDSON CASTRO DE SOUSA
Últimos posts por EDSON CASTRO DE SOUSA (exibir todos)
Etiquetas

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verifique também
Fechar
Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar