Desenvolvimento pessoal

6 livros para te ajudar a alcançar o equilíbrio emocional

Desembarque em uma jornada enriquecedora de autoconhecimento e descubra como lidar com seus sentimentos e emoções! 

Você já percebeu que nos últimos tempos o tema “saúde mental” tem entrado cada vez mais em evidência? 

Esse tópico ganhou ainda mais força com a pandemia do COVID-19, uma vez que começamos a trabalhar, estudar e fazer todas nossas atividades dentro de casa, restringindo-nos, assim, do convívio de amigos e familiares. 

De acordo com a Associação Brasileira de Psiquiatria, houve um aumento de 25% nos atendimentos psiquiátricos após a pandemia e, segundo 89,2% dos médicos entrevistados, sucedeu-se também um agravamento nos sintomas dos pacientes recorrentes.

Bem, a verdade é que o mundo atual está cada vez mais urgente, cheio de informações, e ele nos coloca face a face com realidades que são muito distantes da nossa. 

A constante comparação com outros, a facilidade de receber cobranças, a recorrente exposição às notícias, tudo isso afeta nosso equilíbrio emocional e, para lidarmos com isso, precisamos desenvolver a inteligência emocional

A partir do amadurecimento da inteligência emocional, somos capazes de lidar não só com nossos sentimentos, mas também com os sentimentos e emoções das pessoas que nos cercam. 

Dessa forma, visando te auxiliar na busca por autoconhecimento, controle, e busca por equilíbrio emocional, preparamos esse post com 6 livros que podem te ajudar nessa jornada! 

1. A Voz na sua Cabeça – Ethan Kross

Você já perdeu noites de sono ou ficou paralisado por causa dos seus próprios pensamentos? Já ouviu dentro da sua cabeça uma voz te listando mil motivos para que algo desse errado? Saiba que essa voz, ainda que te cause surtos e crises de pânico, pode ser usada a seu favor. 

Ethan Kross, psicólogo e neurocientista experimental, trata em seu livro A Voz na sua Cabeça que o processamento errado de nossos pensamentos e sentimentos pode impactar negativamente todas as áreas da nossa vida e que, por isso, é tão importante aprender a controlar nossa voz interior.

Então, que tal conferir algumas estratégias que o autor ensina para usarmos nossa voz interior ao nosso favor? A primeira tática é mudar os pronomes no nosso pensamento de “eu” por “você”. Cientificamente, ao agirmos dessa forma, nosso cérebro muda automaticamente seu ponto de vista e se torna mais analítico. 

Uma outra maneira ensinada no livro para controlar os pensamentos quando eles estão nos sabotando é procurar viver experiências inspiradoras. Segundo o autor, vivenciar experiências inspiradoras nos faz sentir como se pertencêssemos a algo muito maior, silenciando, assim, a tagarelice desnecessária em nossa cabeça. 

2. Em Busca de Sentido – Viktor Frankl

O segundo livro dessa lista foi escolhido para te fazer entender que, independentemente do quão difícil seja nosso agora, podemos encontrar motivação e força para superar qualquer situação. Para te mostrar que isso é possível, o livro conta a história de Viktor Frankl, um sobrevivente do Holocausto. 

Viktor Frankl foi um renomado professor austríaco de neurologia e psiquiatria. Em seu livro Em Busca de Sentido, ele não só conta sua história de sobrevivência nos campos de concentração, mas também fala sobre a importância de entender o sentido da vida para superarmos os sofrimentos e conflitos que vivemos.

Após contar sua história, Viktor apresenta a linha terapêutica que o ajudou a superar os momentos difíceis que havia vivido, a logoterapia. Essa vertente da psicoterapia visa auxiliar os pacientes em seus conflitos para conduzir ao crescimento pessoal. 

Então, que tal finalizarmos com algumas dicas do livro para alcançar o equilíbrio emocional? Pratique atos engrandecedores; experimente algo ou encontre alguém novo; tenha atitudes resilientes frente ao sofrimento inevitável. Por fim, entenda que somente você pode tomar uma atitude e escolher superar para ser feliz!

3. A Segunda Montanha – David Brooks

Talvez você se encontre em um momento da sua vida em que o cansaço e o estresse diário estejam te fazendo questionar sua vida. Sabia que você pode encontrar o significado da vida através do comprometimento com a sua família, amigos e sua comunidade? A vida coletiva pode ser uma inspiração.  

David Brooks, autor best-seller do The New York Times, explica em seu livro A Segunda Montanha que a atual cultura prega a obsessão por si mesmo e a valorização do ego. Consequentemente, ela nos torna solitários, enfraquece nossas relações e nos torna vítimas da eterna comparação uns com os outros. 

Segundo o autor, a primeira montanha é justamente o momento em que estamos vivendo em nossa sociedade, no qual o foco é a valorização do ego. Já na segunda montanha há a valorização da comunidade, do coletivo e das relações, e, a partir das nossas conexões, somos capazes de alcançar uma alegria permanente. 

Mas, como alcançar a segunda montanha? Segundo o autor, precisamos deixar nosso individualismo de lado e encontrar algo que nos desperte um interesse intenso, ao ponto de nos fazer continuar e persistir apesar das dificuldades. E não se esqueça de abandonar o “eu” para alcançar a felicidade através do coletivo. 

4. Calma aí, P*rra! – Sarah Knight

Quantas vezes você já escutou um “fica calmo” durante uma crise de ansiedade ou de pânico? Só quem já passou por isso sabe que essas palavras não ajudam em nada e, pior, acabam nos deixando frustrados por estarmos sofrendo com algo que não está afetando as outras pessoas.

Já pensou conseguir controlar os sintomas da ansiedade? Pois saiba que é possível! No livroCalma aí, P*rra!, Sarah Knight ensina não só técnicas para eliminar os sintomas da ansiedade, como também nos guia em uma jornada que nos faz entender que “merdas” acontecem e que está tudo bem. 

Todo mundo já sabe que reagir às situações dominado pelas emoções não ajuda em nada, por isso, precisamos nos acalmar. Fácil, não é? Sabemos que não. Primeiramente devemos organizar nossa mente, ou seja, descartar preocupações irrelevantes e organizar o restante da nossa energia para lidar com os problemas. 

Mas como medir se uma preocupação é irrelevante ou não? Para finalizar, o livro ensina que devemos criar o hábito de nos perguntar: “Posso controlar isso?”. Essa é a forma padrão para medir se algo vale sua preocupação. Usar essa técnica é praticar sua inteligência emocional, equilibrando, assim, suas emoções. 

5. As Coisas Que Você Só Vê Quando Desacelera – Haemin Sunim

Você gostaria de alcançar o estado de paz e tranquilidade que os monges budistas costumam ter? No livro As Coisas Que Você Só Vê Quando Desacelera você irá aprender com Haemin Sunim, um monge budista sul-coreano, como estar em paz consigo mesmo e praticar a tranquilidade e a compaixão. 

Segundo o autor, quando nos sentimentos ocupados e sobrecarregados, o melhor a se fazer é descansar. “Quando a mente descansa, o mundo também descansa”. Isto posto, saia com seus amigos, desabafe, espaireça, momentos de lazer são importantes para manter a clareza.

Uma outra dica encontrada no livro para manter a tranquilidade é evitar brigas e discussões. A felicidade plena é alcançada quando cultivamos boas relações, por isso, quando estiver frente a um conflito, lembre-se: estar certo não é tão importante quanto estar bem e feliz ao lado de alguém.

Para finalizar, o autor apresenta três ideias libertadoras para alcançar a paz emocional. Primeira, as pessoas não estão tão interessadas em você como você pensa. Segunda, nem todo mundo precisa gostar de você. Terceira, pare de se preocupar com o que os outros pensam e busque sua felicidade! 

6. O Melhor do Mundo – Seth Godin

Talvez você seja uma daquelas pessoas que desiste fácil de seus objetivos. Quem sabe você não é o oposto, ou seja, uma pessoa que não abre mão de algo mesmo quando está te machucando. Bem, temos uma notícia: nenhuma dessas atitudes é saudável. 

A dica final de leitura que temos é para que você aprenda quando deve desistir e quando deve se agarrar a uma oportunidade. Seth Godin, CEO da plataforma Squidoo, ensina em seu livro O Melhor do Mundo que desistir não nos torna perdedores, e que, na verdade, os vencedores desistem o tempo todo. 

Tente refletir, você acha que os vencedores sabem fazer tudo e por isso eles são excepcionais? O que os diferencia é que eles são capazes de desistir na hora certa para priorizar o que realmente desejam. Nas palavras do autor: “Está tudo bem desistir, às vezes. Na verdade, está tudo bem desistir frequentemente”. 

Mas quando é a hora certa de desistir de algo? O livro sugere que nós façamos três perguntas: Será que estou tendo um ataque de pânico? Quem eu estou tentando influenciar? Que tipo de progresso mensurável estou fazendo? Se não tiver certeza das respostas, pense “o que eu tenho a perder?” e simplesmente vá fundo! 

Equilíbrio emocional não tem fórmula mágica! 

Os livros que apresentamos aqui são de autores que estudaram os sentimentos e eventos que mais nos perturbam para tentar propor soluções que possam amenizar nossas dores. 

Podemos encontrar diversas maneiras de alcançar o equilíbrio emocional, basta buscar entender quais são as fontes de nossas maiores angústias e tratá-las. 

As obras acima podem ser um apoio na sua jornada de autoconhecimento e busca pelo equilíbrio emocional, porém, elas não suprirão todos os seus anseios porque, acredite, não existe fórmula mágica! 

Enriqueça a si mesmo através da leitura, mas nunca se esqueça de procurar profissionais especializados que possam te ajudar na sua caminhada!

____________________________

Este post foi produzido pela equipe do PocketBook4You, uma plataforma que oferece centenas de resumos de livros dos maiores autores e best-sellers da atualidade, e tem como principal missão levar conhecimento diversificado que se encaixa no dia a dia de cada um dos seus usuários, ao redor do Brasil e do mundo!

PocketBook4you
Últimos posts por PocketBook4you (exibir todos)
Etiquetas

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verifique também
Fechar
Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar