Desenvolvimento pessoal

Relacionamentos: O que é um relacionamento abusivo?

O relacionamento abusivo

O relacionamento abusivo é definido como uma relação que apresenta abusos de ordem física e/ou emocional. A relação se torna abusiva quando uma das pessoas utiliza o poder para manipular e controlar o outro; por exemplo: controle do uso de roupas, amizades, redes sociais, ciúme excessivo e vitimização.

Identificar se você está vivendo em um relacionamento abusivo não é fácil, pelo fato de não precisar ter agressão física para que a relação seja abusiva. O controle e a manipulação acontecem na maioria das vezes de forma velada por meio da violência psicologia e com pequenas privações; por exemplo: o parceiro(a) passa a controlar o uso das roupas, amizades, contato com familiares, etc. 

Fases do relacionamento abusivo

  • Fase 1: Nesta fase estão presentes as ofensas verbais, xingamentos, humilhações, gritos, crises de ciúme. Nesta fase está presente a violência psicológica, manipulação e controle, por isso ainda é difícil identificar o abuso, porque a vítima começa a ter seu psicológico abalado.
  • Fase 2: A violência psicológica evolui para as agressões físicas, beliscões, empurrões, tapas, socos, chutes, pontapés, etc., além do que a vítima já sabe que está em um relacionamento abusivo, porque as marcas ficam visíveis: olho roxo, marcas pelo corpo, cortes e ossos quebrados. Normalmente esse é o momento em que as mulheres decidem sair da relação, pedem separação e fazem a denúncia na delegacia.
  • Fase 3: O abusador sente que está perdendo controle sobre a vítima e entra na última instância do abuso, que é a famosa fase lua de mel. Ele se arrepende, diz que isso não vai mais acontecer, usa de uma manipulação para que a vítima acredite que seu comportamento foi resultado de muito amor e que apenas perdeu a cabeça, tentando manter o controle para que a vítima permaneça como vítima na relação. Infelizmente nesta fase muitas mulheres acreditam que o abusador irá mudar e perdoam, voltando para fase inicial dos abusos.

As fases do relacionamento abusivo podem acontecer nesta ordem ou não, e se repetem toda vez que vitima perdoar o agressor acreditando na sua mudança. A cada situação de abuso a vítima se torna mais fragilizada e mais desacreditada de si mesma. O apoio de familiares, amigos e outras mulheres para quebrar esse ciclo tóxico é de extrema importância.

Saindo de um relacionamento abusivo

Quem vive ou viveu em um relacionamento abusivo, precisa de ajuda. A busca por um psicólogo auxilia na identificação e superação do problema.

Também é preciso que a mulher esteja forte e segura de si. Sendo assim, ela deve fortalecer e trabalhar primeiro pela recuperação da sua autoestima e amor próprio que foi minada pelos contínuos abusos sofridos nesse relacionamento. 

Além disso, existem os serviços públicos criados para ajudar mulheres a superar a violência psicológica e/ou física causada por um relacionamento abusivo. Qualquer pessoa pode fazer denúncias anonimamente ligando para o número 180, da Central de Atendimento à Mulher. 

Ame sua vida e ame-se a si mesma. Assim você conseguirá discernir o que é bom para você e o que te faz mal, e com isso conseguirá fazer as escolhas certas para sua felicidade e bem-estar.

Keite Fabiola
Últimos posts por Keite Fabiola (exibir todos)
Etiquetas

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verifique também
Fechar
Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar