Saúde

7 formas de controlar a ansiedade por conta própria

Pessoas ansiosas tendem a pensar em demasiado no futuro e a tentar predizê-lo, dando maior importância aos aspectos negativos, ignorando as evidências do contrário.

Consequentemente, mantêm a mente sobrecarregada, experienciam sensações fisiológicas desagradáveis e não conseguem focar no momento presente, ignorando soluções óbvias para os problemas.

Não há como evitar sentir ansiedade, porque ela é uma emoção natural, proveniente do instinto humano, visto que o mantém em alerta, protegendo-o de uma situação de perigo ou ameaça.  

O problema surge quando o seu aparecimento sem motivo específico, dimensão, intensidade ou duração não condizem com a situação que o provoca, causando prejuízos, se não for tratada adequadamente.

Apresento abaixo,

7  formas de controlar a ansiedade 

  1. Anote o que te incomoda. Reconheça que a preocupação existe e não tente lutar contra ela.
  2. Faça algo que você vinha adiando, mesmo que seja uma tarefa bem pequena e tente prestar atenção na satisfação que você terá após a conclusão.
  3. Leia um livro. Além de desfocar a sua mente do problema, vai te agregar conhecimento.
  4. Pare o que estiver fazendo e, em local adequado, feche os olhos e tente se lembrar das dádivas existentes em sua vida, sejam materiais, pessoais ou espirituais.
  5. Exercite-se. Dê uma volta de bicicleta ou faça uma caminhada. É cientificamente comprovado que, com a prática de exercício físico o organismo produz uma série de hormônios, como a adrenalina, o cortisol e as endorfinas. Isso se traduz em sensações de relaxamento e bem-estar, além de outros benefícios.
  6. Reserve alguns instantes para se dedicar ao que você gosta. Tente buscar soluções alternativas para problemas comuns. Não se preocupe, seus problemas ainda estarão lá quando você voltar.
  7. Peça opinião, converse com alguém. Você verá que muitas pessoas passam pelos mesmos problemas e poderá encontrar soluções que nem imaginava que poderiam dar certo.

E aí, pronto para começar? Caso a ansiedade persista atrapalhando sua vida, mesmo depois de seguir todas as dicas, procure um psicólogo. Ele te guiará rumo ao autoconhecimento e à elaboração das suas angústias.

Referências:

PEREIRA, A. L. S.; RANGÉ, B. Construção de um protocolo de tratamento para o transtorno de ansiedade generalizada.2005. 117 f. Dissertação (Mestrado em Psicologia)– Universidade Federal do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, 2005.

 

José Geraldo
Últimos posts por José Geraldo (exibir todos)

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verifique também
Fechar
Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar