Qual a diferença entre a ansiedade generalizada e o estresse?

stress
Qual a diferença entre a ansiedade generalizada e o estresse?

Ter ansiedade é algo natural. Faz parte da nossa natureza e tem objetivos importantes dentro do repertório de emoções da nossa vida. No entanto, quando essa ansiedade é exagerada, aí é que passamos a ter um problema. 

O medo é uma das emoções que gera a ansiedade. Mas não é um medo comum. É uma preocupação com um perigo, que muitas vezes não tem um motivo real.

Por outro lado, podemos dizer que o estresse é um quadro mental que altera profundamente nosso humor. Pode ser caracterizado por sensações de nervosismo, frustração, desconforto, preocupação e irritação. A psicologia aceita a existência três tipos de estresse: o agudo, o episódico e o crônico.

Vamos continuar entendendo um pouco mais sobre a ansiedade generalizada e o estresse para que possamos esclarecer suas diferenças e, principalmente, encontrar formas de reduzir essas emoções em nossas vidas.

Sintomas da ansiedade

Inundação! É assim que algumas pessoas descrevem a intensidade de pensamentos e comportamentos que se originam em uma crise de ansiedade. De acordo com o Manual Diagnóstico e Estatístico de Transtornos Mentais, esse é um distúrbio que caracteriza-se pela preocupação excessiva ou expectativa apreensiva. Descrevo abaixo também:

  • Compulsão: comer, beber, uso de celular ou outro tipo de ação compulsiva.
  • Preocupação: medo irreal do futuro, de sofrer um ataque cardíaco, de morrer, etc.
  • Irritação: nervosismo, pensamento acelerado, dificuldade de concentração.
  • Procrastinação: evitar ou demorar pra fazer entregas de trabalhos/atividades, vontade de fugir, desistir ou abandonar tudo.

Estes são apenas alguns dos sintomas psicológicos que acabam refletindo no comportamento de quem está ansioso.

Sintomas do estresse

De acordo com a Sociedade Brasileira de Inteligência Emocional “o ser humano produz uma série de hormônios quando se sente ameaçado, tais como o cortisol e a adrenalina. Essas substâncias aumentam a frequência cardíaca, aceleram a respiração, contraem os músculos e aumentam a pressão arterial, agindo também no aumento da ansiedade, tristeza, irritabilidade e frustração”.

Percebemos assim que o estresse é uma resposta do nosso organismo a uma situação potencialmente perigosa. Os principais sintomas do estresse negativo de acordo com a SBIE são:

  • Insônia;
  • Cansaço;
  • Dor de cabeça;
  • Agitação;
  • Tristeza e irritabilidade;
  • Dificuldade em se concentrar e falhas na memória;
  • Queda de cabelo;
  • Perda ou ganho de peso;
  • Insatisfação constante e isolamento social;
  • Queda na produtividade;
  • Má digestão e problemas gástricos;
  • Baixa imunidade;
  • Aumento da probabilidade de enfarto e derrame.

Diferença entre estresse e ansiedade

Muitas vezes o estresse é confundido com a ansiedade, visto que possuem muitos sintomas semelhantes. Segue abaixo duas principais diferenças entre o estresse e ansiedade:

  • Origem: no estresse é mais fácil identificar a causa, pois são fatores externos ao indivíduo. Na ansiedade exagerada, muitos destes fatores são idealizados pelo paciente e se originaram de questões emocionais internas e mais profundas.
  • Projeção no tempo: enquanto o estresse tem foco nas situações atuais, na sensação de que se é incapaz para lidar com o presente, na ansiedade as situações negativas são antecipadas, gerando um medo de algo que ainda não aconteceu, provocando um olhar assustador em relação ao futuro.

Tratamento

O primeiro passo para lidar e superar a ansiedade exagerada e o estresse é realizar uma autoanálise.

Reconhecer que determinadas reações do corpo podem estar nos indicando que a forma como estamos lidando com as situações externas e/ou internas podem estar desadaptativas.

Ao detectar essas reações, é fundamental desacelerar, utilizando estratégias de relaxamento e respiração, e caso os sintomas ainda persistam, deve-se buscar ajuda médica e psicológica.

Psicólogo Fabrinny Araujo
CRP: 05/56069

Últimos posts por Fabrinny Araujo da Silva (exibir todos)
Deixe seu comentário aqui
Assine nossa newsletter

Outros posts que você também pode gostar

Assine nossa newsletter

Fique por dentro dos melhores conteúdos sobre bem-estar, saúde e qualidade de vida

Saúde mental, bem-estar e inovação que seu colaborador precisa

Através do nosso programa de saúde mental, as empresas reduzem perdas com afastamento do trabalho por demandas emocionais.

Fechar
Fechar